Théo-Filho era um dos escritores mais lidos no Brasil nos anos 20. Seus livros e crônicas, descrevendo a boemia parisiense e os vícios da elite brasileira, escandalizavam os moralistas. Consagrado muito cedo, o romancista-jornalista se voltou para o tema da praia no Rio de Janeiro. Entre 1925 e 1940, à frente do semanário Beira-Mar, Théo-Filho foi o intelectual que mais escreveu sobre assuntos balneários. Fez a apologia das banhistas, do bronzeamento, da exigüidade dos maiôs, do verão carioca, do turismo, dos esportes, do futebol na areia, dos clubes praianos e dos postos de salvamento de Copacabana, na época em que os banhos de sol se introduziam no repertório dos divertimentos ao ar livre. Théo-Filho produziu sua contribuição à praia de banhos brasileira durante uma vasta inflexão na história dos costumes, quando mudavam os padrões sociais de apreciação da nudez dos corpos, da pele morena e do calor tropical.


terça-feira, 28 de fevereiro de 2017

"Hellé Nice"

.
A automobilista francesa, no Rio de Janeiro para a realização do Circuito da Gávea, em companhia de Arthur Troula, representante de Beira-Mar em São Paulo, na "possante Cucaracha, relíquia de nossos avós (...)". 6 de junho de 1936, capa. (Acervo Fundação Biblioteca Nacional).

sexta-feira, 24 de fevereiro de 2017

"A festa da piscina"

.
"Maria Lenk, que melhorou o seu próprio record sul-americano nos 400 metros butter-fly, Ruth Behensdorf, a quem cabe a maior vitória esportiva de Copacabana, e Línea Fligare, a mais famosa nadadora copacabanense, delirantemente aplaudida". Leia mais no Capítulo 72. 6 de junho de 1936, capa. (Acervo Fundação Biblioteca Nacional).

terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

"A festa da piscina"

.
"Maria Lenk, a maior nadadora brasileira, Edith Hempbell, um sorriso gentil, Sieglinda Lenk, a primeira convidada por nós, Helena Salles, menina que não gosta do farol, Scylla Venâncio, Filhinha (Piedade Coutinho), campeã sul-americana dos cem metros, e Lyginha Cordovil, a recordista carioca. De joelhos, numa prece esportiva, Barulhinho...". 6 de junho de 1936, capa. (Acervo Fundação Biblioteca Nacional).

sexta-feira, 17 de fevereiro de 2017

"A festa da piscina"

.
Realizada no Copacabana Palace. Na foto, "Neuzinha Cordovil, a garota que maior número de fans possui na natação carioca". 6 de junho de 1936, capa. (Acervo Fundação Biblioteca Nacional).

terça-feira, 14 de fevereiro de 2017

"A jovem de turbante vistoso..."

.
"... prefere a leitura de uma revista de modas". 16 de maio de 1936, capa. (Acervo Fundação Biblioteca Nacional).

sexta-feira, 10 de fevereiro de 2017

"A festa da piscina do Forte do Vigia"

.
"Ao ato inaugural grande foi o número de moradores de Copacabana, Ipanema e Leme, que compareceram". 9 de maio de 1936, capa. (Acervo Fundação Biblioteca Nacional).

terça-feira, 7 de fevereiro de 2017

"A festa da piscina do Forte do Vigia"

.
"Já era esperada por todos a inauguração da piscina do Forte Duque de Caxias, ex-Vigia, no Leme". 9 de maio de 1936, capa. (Acervo Fundação Biblioteca Nacional).

sexta-feira, 3 de fevereiro de 2017

"O melhor depilatório"

.
Com os "maillots" curtos, autorizados pela instituição dos banhos de sol, aumentou a procura dos produtos depilatórios, nos anos 30. 25 de abril de 1936, p. 7. (Acervo Fundação Biblioteca Nacional).